Blog do Josias de Souza

TSE inaugura novo site para instruir os eleitores

Josias de Souza

A duas semanas do primeiro turno das eleições municipais, o TSE abriu uma nova ‘janela’ no seu portal na internet. Batizou-a de ‘HotSite das Eleições 2012’. Reúne todas as instruções para que o eleitor exerça suas obrigações legais –do voto à justificativa pelo não comparecimento à zona eleitoral.

O site oferece aos visitantes inclusive a possibilidade de simular o voto –primeiro no vereador (cinco dígitos na urna eletrônica). Depois no prefeito (dois dígitos). Para evitar a acusação de direcionamento, o TSE utilizou legendas fictícias. Coisas assim: Partido do Folclore, Partido dos Ritmos Musicais e Partido das Festas Populares.

Há também no novo site um link que conduz o visitante para um lote de informações históricas e curiosidades sobre as eleições no Brasil. Ali, fica-se sabendo, por exemplo, que a primeira mulher a obter o direito de votar atribui o feito histórico a um homem: o marido.

Deu-se no Rio Grande do Norte, em 1927. Em despacho datado de 25 de novembro daquele ano, o magistrado potiguar Israel Ferreira Nunes anotou: “Tendo a requerente satisfeito as exigências da lei para ser eleitora, mando que inclua-se nas listas de eleitores.”

Chamava-se Celina a suposta “requerente”. Ouvida posteriormente, ela abiria mão da parternidade da iniciativa: “Eu não fiz nada! Tudo foi obra de meu marido, que empolgou-se na campanha de participação da mulher na política brasileira e, para ser coerente, começou com a dele, levando meu nome de roldão.”

Celina acrescentou: “Jamais pude pensar que, assinando aquela inscrição eleitoral, o meu nome entraria para a história. E aí estão os livros e os jornais exaltando a minha atitude. O livro de João Batista Cascudo Rodrigues – A Mulher Brasileira – Direitos Políticos e Civis – colocou-me nas alturas. Até o cartório de Mossoró, onde me alistei, botou uma placa rememorando o acontecimento. Sou grata a tudo isso que devo exclusivamente ao meu saudoso marido.''