Blog do Josias de Souza

Rose, o grande silêncio e os pequenos ruídos

Josias de Souza

Desligada da tomada por Dilma Rousseff, Rosemary Novoa de Noronha, a Rose, ameaça produzir um curto-circuito. A ex-servidora do escritório da Presidência em São Paulo distribui, em privado, um aviso: “Não vou cair sozinha”. Bom, muito bom, ótimo. Em estado de choque, madame tornou-se é um arquivo de alta voltagem. Situada no terceiro escalão da engrenagem federal, Rose emplacava até diretores de agências reguladoras. Decerto tem muito a dizer. Ah, fala logo Rose.