PUBLICIDADE
Topo

Josias de Souza

Pessoas que você deve evitar no ano de 2013

Josias de Souza

25/12/2012 23h43

Recomenda-se evitar no Ano Semi-novo de 2013:

…Pessoas que afirmam que corrupção é "apenas caixa dois".

…Pessoas que dizem mais de duas vezes "eu não sabia".

…Pessoas que prometem cortar "na própria carne". Dos outros.

…Pessoas que abrem investigações com um "doa a quem doer."

…Pessoas que prometem a luz no fim do túnel após ter afanado o túnel.

…Pessoas que reagem à vilania assumida com a neutralidade moral.

…Pessoas que são a favor de tudo e contra qualquer outra coisa.

…Pessaos que, munidas das informações, tiram suas próprias confusões.

…Pessoas que têm certas dúvidas, mas nenhuma delas certa.

…Pessoas que fazem previsões infalíveis sem considerar o imprevisível.

…Pessoas que piam depois de ter acreditado piamente.

…Pessoas que falam mal do Ego alheio enquanto vazam por cima.

…Pessoas que imaginam ser possível liderar seguindo a maioria.

…Pessoas extremamente opinativas sem opiniões próprias.

…Pessoas que, além de não fazer nada, fazem isso bem lentamente.

…Pessoas que não são mais aquelas e ainda não viraram outra.

…Pessoas que dizem que não é uma questão de dinheiro, mas de princípios.

…Pessoas de esquerda que largam tudo e vão viver com o Collor e o Maluf.

…Pessoas que dizem não mudar de ideologia, mas já mudaram de apartamento cinco vezes.

…Pessoas que se cercam de ratos e põem a culpa no queijo.

…Pessoas que fazem por pressão o que deixaram de fazer por precaução.

…Pessoas experts que sabem cada vez mais sobre cada vez menos.

…Pessoas que prometem o novo de mãos dadas com o Sarney.

…Pessoas que criticam o velho dizendo coisas definitivas sem definir as coisas.

…Pessoas…

– Ilustração via Miran Cartum.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre o autor

Josias de Souza é jornalista desde 1984. Nasceu na cidade de São Paulo, em 1961. Trabalhou por 25 anos na ''Folha de S.Paulo'' (repórter, diretor da Sucursal de Brasília, Secretário de Redação e articulista). É coautor do livro ''A História Real'' (Editora Ática, 1994), que revela bastidores da elaboração do Plano Real e da primeira eleição de Fernando Henrique Cardoso à Presidência da República. Em 2011, ganhou o Prêmio Esso de Jornalismo (Regional Sudeste) com a série de reportagens batizada de ''Os Papéis Secretos do Exército''.

Sobre o blog

A diferença entre a política e a politicagem, a distância entre o governo e o ato de governar, o contraste entre o que eles dizem e o que você precisa saber, o paradoxo entre a promessa de luz e o superfaturamento do túnel. Tudo isso com a sua opinião na caixa de comentários.