PUBLICIDADE
Topo

Josias de Souza

Renan Calheiros anuncia cortes no Senado e promete economizar R$ 262 mi em dois anos

Josias de Souza

19/02/2013 19h31

 

Como previsto, Renan Calheiros (PMDB-AL) reuniu a mesa diretora do Senado para aprovar um lote de cortes orçamentários. Terminado o encontro, o senador escalou a tribuna para anunciar um pacote de providências que, pelas suas contas, resultará em economia de R$ 262 milhões num intervalo de dois anos. Ou, numa conta menos marqueteira, R$ 131 milhões por ano. O orçamento anual do Senado é de notáveis R$ 3,2 bilhões.

O vídeo acima traz um trecho do discurso do presidente do Senado. Aqui, a íntegra do pronunciamento. Primeiro-secretário da Mesa, o senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA) explicou que as medidas destrinchadas por Renan estão previstas numa proposta de reforma administrativa que corre no Senado desde 2009.

A reforma depende de aprovação do plenário. O que Renan fez foi pinçar um lote de providências para anunciar imediatamente, disse Flexa. O grosso do corte (25%) virá da extinção de cerca de 500 funções de chefia. Não se trata de demissão. O servidor apenas perde uma gratificação.

De resto, Renan anunciou, entre outras providências, o fim do atendimento ambulatorial gratuito a servidores do Senado, a redução ou não-renovação de contratos de mão de obra terceirizada e a ampliação da jornada de trabalho dos servidores de seis para sete horas diárias.

Renan fez tudo isso um dia antes de aportar no Senado o abaixo-assinado que coletou na internet mais de 1,5 milhão de assinaturas de apoiadores do seu afastamento do cargo. Sem valor legal, a petição será entregue a senadores como um gesto político de repúdio ao retorno de Renan ao comando do Senado.

Sobre o autor

Josias de Souza é jornalista desde 1984. Nasceu na cidade de São Paulo, em 1961. Trabalhou por 25 anos na ''Folha de S.Paulo'' (repórter, diretor da Sucursal de Brasília, Secretário de Redação e articulista). É coautor do livro ''A História Real'' (Editora Ática, 1994), que revela bastidores da elaboração do Plano Real e da primeira eleição de Fernando Henrique Cardoso à Presidência da República. Em 2011, ganhou o Prêmio Esso de Jornalismo (Regional Sudeste) com a série de reportagens batizada de ''Os Papéis Secretos do Exército''.

Sobre o blog

A diferença entre a política e a politicagem, a distância entre o governo e o ato de governar, o contraste entre o que eles dizem e o que você precisa saber, o paradoxo entre a promessa de luz e o superfaturamento do túnel. Tudo isso com a sua opinião na caixa de comentários.