PUBLICIDADE
Topo

Josias de Souza

Prefeito paga cozinheira com verba da educação

Josias de Souza

15/05/2014 20h48

panelaDoisNum instante em que ressurgem nas ruas as faixas reivindicando escolas melhores, descobre-se que um prefeito piauiense usou verbas federais destinadas à educação para manter em sua casa uma cozinheira, por assim dizer, 'Padrão Fifa'. Anderson Luiz Alves dos Santos Fiqueiredo (PT), eis o nome do prefeito. Ele comanda o município de São Gonçalo do Gurguéia, localizado no extremo sul do mapa do Piauí.

Anderson Luiz foi denunciado pelo Ministério Público Federal por improbidade administrativa. Acusam-no de pendurar na conta do Fundeb, o fundo federal de custeio da educação básica, o salário da cozinheira Elizabete Carvalho de Souza. No papel, ela dava expediente numa escola como auxiliar de serviços gerais. No mundo real, trabalhava na casa do prefeito.

A anomalia perdurou por seis meses, entre fevereiro e julho de 2009. Só agora virou processo judicial. De acordo com a Procuradoria, a esperteza era acobertada por Verlane de Azevedo Souza Figueriedo, cunhada do prefeito e secretária de Educação de São Gonçalo do Gurguéia. A cozinheira e a secretária foram denunciadas junto com o prefeito.

Protocolada em 6 de maio no TRF da 1ª Região, em Brasília, a denúncia foi divulgada nesta quinta-feira. Signatária da petição, a procuradora Regional da República Raquel Branquinho Nascimento pede à Justiça que afaste o prefeito do cargo e decrete sua "inabilitação" para o exercício de funções públicas por cinco anos.

De resto, a procuradora pede que os responsáveis pelo desvio devolvam o dinheiro malversado. Coisa mixuruca: R$ 2.566,80, em valores da época. Antes de bater à porta do Judiciário, a Procuradoria tentou resolver a encrenca amigavelmente. Em setembro de 2013, ofereceu ao prefeito a oportunidade de devolver o dinheiro voluntariamente. Corrigido até aquela data, o espeto era de R$ 4.068. Como Anderson Luiz não levou a mão ao bolso, foi levado ao tribunal.

Sobre o autor

Josias de Souza é jornalista desde 1984. Nasceu na cidade de São Paulo, em 1961. Trabalhou por 25 anos na ''Folha de S.Paulo'' (repórter, diretor da Sucursal de Brasília, Secretário de Redação e articulista). É coautor do livro ''A História Real'' (Editora Ática, 1994), que revela bastidores da elaboração do Plano Real e da primeira eleição de Fernando Henrique Cardoso à Presidência da República. Em 2011, ganhou o Prêmio Esso de Jornalismo (Regional Sudeste) com a série de reportagens batizada de ''Os Papéis Secretos do Exército''.

Sobre o blog

A diferença entre a política e a politicagem, a distância entre o governo e o ato de governar, o contraste entre o que eles dizem e o que você precisa saber, o paradoxo entre a promessa de luz e o superfaturamento do túnel. Tudo isso com a sua opinião na caixa de comentários.