Topo
Blog do Josias

Blog do Josias

Maia insinua que reajuste do STF pode não sair

Josias de Souza

14/09/2018 04h00

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), insinuou que o reajuste que eleva o salário dos ministros do Supremo de R$ 33,7 mil para R$ 39,2 mil mensais pode não ser aprovado na Câmara. "Acho que está na hora errada", disse o deputado ao blog. "O espaço orçamentário é muito pequeno."

Maia ponderou: "Muitas vezes, um benefício de longo prazo pode gerar uma superinflação, que vai comer todo esse benefício. A gente tinha que ter um pouco mais de paciência." Levantou a hipótese de adiar a vigência do aumento: "Se for o caso, deixa aprovado para daqui a dois anos."

O deputado mencionou a necessidade de poupar o próximo presidente de novas pressões fiscais. "Se ele começar bem, gerar credibilidade, ele vai gerar um crescimento rápido. O PIB potencial do Brasil é de 7% de crescimento. Aí você pode recompor alguma coisa" em termos salariais.

A despeito de sua posição pessoal, Maia realçou que o debate sobre o tema tornou-se incontornável. "Eu sou presidente da Câmara, não sou seu dono. O Judiciário vai encaminhar a proposta no Orçamento. O presidente Michel [Temer] também encaminhou. (…) Nós temos que discutir, não tem jeito."

– Veja aqui declarações de Rodrigo Maia sobre a conjuntura política.

Sobre o Autor

Josias de Souza é jornalista desde 1984. Nasceu na cidade de São Paulo, em 1961. Trabalhou por 25 anos na ''Folha de S.Paulo'' (repórter, diretor da Sucursal de Brasília, Secretário de Redação e articulista). É coautor do livro ''A História Real'' (Editora Ática, 1994), que revela bastidores da elaboração do Plano Real e da primeira eleição de Fernando Henrique Cardoso à Presidência da República. Em 2011, ganhou o Prêmio Esso de Jornalismo (Regional Sudeste) com a série de reportagens batizada de ''Os Papéis Secretos do Exército''.

Sobre o Blog

A diferença entre a política e a politicagem, a distância entre o governo e o ato de governar, o contraste entre o que eles dizem e o que você precisa saber, o paradoxo entre a promessa de luz e o superfaturamento do túnel. Tudo isso com a sua opinião na caixa de comentários.