Topo
Blog do Josias

Blog do Josias

Avis rara, Clóvis Rossi vai fazer falta na barricada

Josias de Souza

2014-06-20T19:12:37

14/06/2019 12h37

Na madrugada desta sexta-feira, morreu Clóvis Rossi. Costuma-se dizer que um homem não deve ser julgado pela aparência. O raciocínio não vale para Rossi. No seu caso, o gigantismo físico ornava com a grandiosidade humana e técnica. Às vezes cometemos o erro de não dizer às pessoas o quanto a admiramos. Por sorte, não cometi esse equívoco com Rossi.

Convivemos por cerca de 30 anos. Na altura da primeira década eu disse a ele algo assim: Tomado pela delicadeza, pela generosidade, pela excelência e pelo amor com que exerce o jornalismo, posso assegurar que você está pelo menos dois metros mais alto do que há dez anos. A partir daí, sempre que nos encontrávamos, eu me divertia com a estatura do repórter: 'Mais 50 centímetros!' Ele gargalhava.

Rossi me passava a impressão de ter estreado na reportagem na primeira mamada. Suspeito que tenha nascido com um bloco de anotações em mãos. Estou certo de que interpelou o médico no instante da palmada inaugural: "Alto lá, doutor. Tortura é crime!" A elegância do texto, vertido na velocidade do raio, veio no DNA.

Avis rara, Clóvis Rossi pertencia a uma raça especial de repórteres, hoje tristemente em extinção. Exercitava sua maestria em qualquer área: economia, política nacional e internacional, buraco de rua, o diabo. Rossi valia por dois. O repórter e o amigo vão fazer muita falta na barricada. Deixaram um espaço gigantesco. Impossível preencher.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre o autor

Josias de Souza é jornalista desde 1984. Nasceu na cidade de São Paulo, em 1961. Trabalhou por 25 anos na ''Folha de S.Paulo'' (repórter, diretor da Sucursal de Brasília, Secretário de Redação e articulista). É coautor do livro ''A História Real'' (Editora Ática, 1994), que revela bastidores da elaboração do Plano Real e da primeira eleição de Fernando Henrique Cardoso à Presidência da República. Em 2011, ganhou o Prêmio Esso de Jornalismo (Regional Sudeste) com a série de reportagens batizada de ''Os Papéis Secretos do Exército''.

Sobre o blog

A diferença entre a política e a politicagem, a distância entre o governo e o ato de governar, o contraste entre o que eles dizem e o que você precisa saber, o paradoxo entre a promessa de luz e o superfaturamento do túnel. Tudo isso com a sua opinião na caixa de comentários.