Mais informação com menos tempo de leitura
Topo
Blog do Josias

Blog do Josias

Deputados levantam a bola para Bolsonaro vetar

Josias de Souza

19/09/2019 01h28

A ala bandalha do Congresso não perde a oportunidade de perder oportunidades. Ao ressuscitar parte das regras que o Senado havia sepultado na véspera —entre elas excrescências como uma brecha para o caixa dois e uma fenda para candidaturas de políticos com ficha suja— os deputados tornaram-se, na verdade, uma oportunidade que Jair Bolsonaro pode, se quiser, aproveitar.

O projeto vai ao Planalto na forma de uma bola levantada pelos deputados para o presidente vetar. Bolsonaro terá 15 dias para decidir se sanciona ou veta as novas velhas regras eleitorais e partidárias. O veto pode ser total ou parcial. O presidente poderia, por exemplo, restaurar a decisão do Senado, que manteve em pé apenas o fundo eleitoral, em valor a ser definido.

A questão agora é saber de que lado Bolsonaro se sentirá mais confortável. Se vetar as espertezas da Câmara, será ovacionado nas redes sociais, seu habitat natural. Sancionando as indecências, fará média com o centrão.

Há dois Bolsonaros na praça: o que se elegeu como presidenciável antissistema vetaria. Mas o Bolsonaro que exerce a Presidência aproximando-se do seu próprio passado sistêmico talvez prefira não enfiar o dedo em favo de mel para não ter que fugir das abelhas do centrão. A ver.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre o autor

Josias de Souza é jornalista desde 1984. Nasceu na cidade de São Paulo, em 1961. Trabalhou por 25 anos na ''Folha de S.Paulo'' (repórter, diretor da Sucursal de Brasília, Secretário de Redação e articulista). É coautor do livro ''A História Real'' (Editora Ática, 1994), que revela bastidores da elaboração do Plano Real e da primeira eleição de Fernando Henrique Cardoso à Presidência da República. Em 2011, ganhou o Prêmio Esso de Jornalismo (Regional Sudeste) com a série de reportagens batizada de ''Os Papéis Secretos do Exército''.

Sobre o blog

A diferença entre a política e a politicagem, a distância entre o governo e o ato de governar, o contraste entre o que eles dizem e o que você precisa saber, o paradoxo entre a promessa de luz e o superfaturamento do túnel. Tudo isso com a sua opinião na caixa de comentários.