Topo
Blog do Josias

Blog do Josias

PSL: Bolsonaro quer auditar contas que ignorou

Josias de Souza

11/10/2019 22h34

Jair Bolsonaro "exige" a realização de auditoria externa na escrituração do PSL. A exigência deve ser mencionada assim, entre aspas, porque há por trás da iniciativa um quê de encenação. Embora tenha chegado ao partido apenas no ano passado, o capitão alega que deseja perscrutar as contas dos últimos cinco anos. Curiosamente, desprezou a contabilidade ao escolher o PSL como hospedeiro de sua candidatura presidencial.

O fechamento do acordo que juntou os interesses de Bolsonaro às conveniências de Luciano Bivar, o dono do PSL, foi formalizado numa nota divulgada em janeiro de 2018. Nela, não há vestígio de preocupação dos signatários com a transparência da contabilidade. No texto, Bivar apenas realçou ter "muito orgulho" de receber no partido Bolsonaro e sua candidatura presidencial. E o então candidato declarou que se sentia "muito à vontade" num partido no qual enxergava total "comunhão de pensamentos".

Não havia orgulho nem comunhão, apenas interesses. Deve-se a súbita fome de "transparência" contábil de Bolsonaro ao sucesso do empreendimento. Convertido na segunda maior bancada da Câmara, o PSL administra em 2019 um fundo partidário de R$ 103 milhões. Como Bivar não compartilhou a caixa da forma que os bolsonaristas desejavam, o capitão decidiu forçar a porta.

Em notificação extrajudicial avalizada por Bolsonaro e 21 parlamentares do PSL, Bivar foi informado de que tem cinco dias para abrir os livros do partido. Do contrário, os bolsonaristas recorrerão ao Tribunal Superior Eleitoral. Um dos subscritores da peça esclareceu ao blog que o objetivo da iniciativa é produzir "um barraco".

Dito de outro modo: deseja-se criar um fato que sirva de "justa causa" para a saída dos deputados fieis a Bolsonaro do PSL sem o risco de perda do mandato. No melhor cenário, imagina-se que os parlamentares consigam levar as fatias do fundo partidário correspondentes às suas respectivas votações. Fácil de falar, difícil de obter. A legislação favorece o partido.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre o autor

Josias de Souza é jornalista desde 1984. Nasceu na cidade de São Paulo, em 1961. Trabalhou por 25 anos na ''Folha de S.Paulo'' (repórter, diretor da Sucursal de Brasília, Secretário de Redação e articulista). É coautor do livro ''A História Real'' (Editora Ática, 1994), que revela bastidores da elaboração do Plano Real e da primeira eleição de Fernando Henrique Cardoso à Presidência da República. Em 2011, ganhou o Prêmio Esso de Jornalismo (Regional Sudeste) com a série de reportagens batizada de ''Os Papéis Secretos do Exército''.

Sobre o blog

A diferença entre a política e a politicagem, a distância entre o governo e o ato de governar, o contraste entre o que eles dizem e o que você precisa saber, o paradoxo entre a promessa de luz e o superfaturamento do túnel. Tudo isso com a sua opinião na caixa de comentários.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor